ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Saúde

NOTA DE ESCLARECIMENTO - MENINGITE

Terça-feira, 29 de maio de 2018

Visualizada 3660 vezes


A secretaria municipal de Saúde vem esclarecer a população que de acordo com a declaração de óbito do IML da adolescente M.C.T.B, 13 anos, a causa básica do óbito foi Infecção Meníngea. De acordo com o parecer da SESA (secretaria de Estado), a análise do IML identificou sinais de inflamação meníngea sem sinais de petéquias, o que afasta a suspeita de meningoccemia (meningite mais grave), por isso não existe recomendação para realização de quimioprofilaxia para os contatos. O termo meningite expressa à ocorrência de um processo inflamatório das meninges (membranas que envolvem o cérebro), e a transmissão em geral é por contato direto de pessoa a pessoa, através das vias respiratórias, por gotículas e secreções da nasofaringe. ESCLARECEMOS que não existe transmissão de meningite após a morte.

 

CONSIDERAÇÕES IMPORTANTES:

NÃO É NECESSÁRIA A SUSPENSÃO DE AULAS, pois as bactérias não sobrevivem no ambiente;

 O período de incubação em geral, é de 2 a 10 dias, podendo haver alguma variação em função do agente etiológico responsável. Desta forma existe a recomendação de monitoramento dos contatos por 10 dias em alerta para qualquer manifestação clínica suspeita. Solicitamos que, caso sejam observados sinais e sintomas, como: febre de início súbito, vômito, náuseas, dor de cabeça e rigidez de nuca e/ou manchas vermelhas na pele, procurem a unidade de saúde mais próxima para avaliação e orientação de um profissional de saúde.

GOSTARIAMOS DE ENFATIZAR QUE a melhor forma de prevenção da meningite é através da vacinação de rotina, evitar ambientes fechados, hábitos de higiene. Em caso de dúvidas, entrar em contato com o setor de Vigilância Epidemiológica, através do telefone (44) 3232-1151.

Fonte: Assessoria de Comunicação

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias