Animais de rua

Você sabia que todo cão comunitário deve ser cadastrado?

Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

Última Modificação: 27/02/2020 08:37:58 | Visualizada 625 vezes

Cadastramento permite trabalho de acompanhamento em relação a castrações e outras necessidades dos animais de rua


Ouvir matéria

Você já viu algum cão de rua que acaba estabelecendo um vínculo com os moradores de uma vizinhança específica? É o caso, por exemplo, de Bella, que vivia na região da Rodoviária e até casinha compraram para ela (veja foto). Agora, felizmente, ela foi adotada, mas muitos deles (enquanto não são adotados) são cuidados por diversas pessoas do bairro em que vivem, mas não têm um tutor só. O problema é que alguns podem atacar pedestres por conta de seu instinto territorialista.

Por isso, muitas pessoas se preocupam em passar por certos locais da cidade, com medo de serem atacadas. Uma solução seria a castração, que além de controlar a população dos animais de rua, diminui o sentido de defesa do território nesses animais.

VOCÊ SABIA? JÁ HÁ LEI REGULAMENTANDO ISSO!

Em 2017, o prefeito Victor Martini sancionou a Lei Municipal nº 2139/2017, aprovada pela Câmara de Vereadores, que regulamenta o tratamento a ser dado aos cães comunitários (veja a Lei na íntegra aqui ou nos anexos desta notícia). “O animal reconhecido como comunitário será cadastrado junto à APROAMA – Associação de Proteção aos Animais de Marialva”, manda o artigo 2º da Lei.

Se você conhece localidades em que há cães comunitários, ou se você cuida de algum deles, não esqueça de procurar a APROAMA para cadastrar os animais, por meio do telefone (44) 3232-1428.

É muito importante essa identificação, para que os mesmos possam ser acompanhados pela Associação, que é a responsável – por Lei – por realizar isso. De acordo com a presidente da instituição, Rosana Bautista, a APROAMA tem orientado diversas pessoas sobre o assunto, como manda a Lei. “Instruímos o responsável quanto à importância da castração, vacinação e cuidados com o animal”, explicou.

A Associação ainda é responsável por realizar castrações. Para este fim, inclusive, recebe anualmente cerca de R$ 50 mil reais da Prefeitura, repassados com o objetivo de concretizar estas ações, que são de interesse público. Só entre 2016 e 2018, essa verba chegou a dobrar.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Marialva

Você sabia que todo cão comunitário deve ser cadastrado junto à APROAMA? Crédito: Assessoria de Comunicao da Prefeitura de Marialva
Legenda: Voc sabia que todo co comunitrio deve ser cadastrado junto APROAMA?

 Galeria de Fotos

 Veja Também