Durante toda a semana

CAPS promove feira de artesanato

Segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Última Modificação: // | Visualizada 167 vezes


Ouvir matéria

O CAPS ? Centro de Ateno Psicossocial de Marialva realiza de 06 a 10 de outubro, das 08h s 16h (sem intervalo para almoo), uma grande feira de artesanato. Durante toda a semana, uma barraca estar montada em frente ao centro, que se localiza na Praa Ademar Bornia, n 112 (atrs do Colgio Bittencourt).

Quem por l passar encontrar guardanapos, toalhas de mesa, tapetes de croch, cachecis, quadrinhos, artigos decorativos e outros artesanatos a preos especiais.

Todo o material foi produzido pelos pacientes do CAPS e a renda oriunda da comercializao ser utilizada em atividades de lazer e dividida entre o grupo de pessoas atendidas pelo Centro.

O objetivo oferecer atendimento populao, realizar o acompanhamento clnico e a reinsero social dos usurios pelo acesso ao trabalho, lazer, exerccio dos direitos civis e fortalecimento dos laos familiares e comunitrios.

funo dos CAPS:

- prestar atendimento clnico em regime de ateno diria, evitando as internaes em hospitais psiquitricos;
- acolher e atender as pessoas com transtornos mentais graves e persistentes, procurando preservar e fortalecer os laos sociais do usurio em seu territrio;
- promover a insero social das pessoas com transtornos mentais por meio de aes intersetoriais;
- regular a porta de entrada da rede de assistncia em sade mental na sua rea de atuao;
- dar suporte a ateno sade mental na rede bsica;
- organizar a rede de ateno s pessoas com transtornos mentais nos municpios;
- articular estrategicamente a rede e a poltica de sade mental num determinado territrio
- promover a reinsero social do indivduo atravs do acesso ao trabalho, lazer, exerccio dos direitos civis e fortalecimento dos laos familiares e comunitrios.

Estes servios devem ser substitutivos e no complementares ao hospital psiquitrico. De fato, o CAPS o ncleo de uma nova clnica, produtora de autonomia, que convida o usurio responsabilizao e ao protagonismo em toda a trajetria do seu tratamento.

Os projetos desses servios, muitas vezes, ultrapassam a prpria estrutura fsica, em busca da rede de suporte social, potencializadora de suas aes, preocupando-se com o sujeito e a singularidade, sua histria, sua cultura e sua vida cotidiana.

Maiores informaes: (44) 3232-2291.

 Galeria de Fotos

 Veja Também