Evento no novo terminal da Seara, em Marialva, reuniu autoridades, tcnicos e profissionais de toda a cadeia do agronegcio estadual

Marialva sedia lanamento oficial da Expedio Safra

Segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Última Modificação: // | Visualizada 912 vezes


Ouvir matéria

A nova edio da Expedio Safra Gazeta do Povo foi lanada oficialmente na ltima quinta-feira (dia 20), em Marialva. O evento ocorreu no novo terminal intermodal da Seara Agronegcios, que vai embarcar gros em comboios para transporte ferrovirio at Paranagu, e reuniu cerca de 100 pessoas, entre autoridades, tcnicos e profissionais de toda a cadeia do agronegcio estadual. Representantes de mais 20 instituies agrcolas e 20 empresas privadas do setor se encontraram no evento.

Com o tema ?Eficincia e competitividade, no campo e no mercado?, o levantamento tcnico-jornalstico faz um diagnstico da safra 2014/15, tanto no plantio como na colheita, percorrendo neste ciclo cinco pases e 15 estados brasileiros, alm do roteio extraordinrio por trs naes do Leste europeu.

Na ocasio, o coordenador do projeto e gerente do Ncleo de Agronegcio da Gazeta do Povo, Giovani Ferreira, destacou que o potencial da produo brasileira de gros inicialmente estimado em 202 milhes de toneladas de gros ser revisado para baixo. A seca que atrasou os trabalhos de semeadura do ciclo atual ?com certeza vai comprometer a rea de segunda safra nos dois maiores estados produtores do cereal (Mato Grosso e Paran)?, apontou Ferreira.

O volume total colhido das lavouras corresponde a uma rea ocupada por soja e milho de 56,4 milhes de hectares. Na temporada passada, o pas produziu 195 milhes de t. ?A produo e a rea continuam crescendo, mas a taxas mais adequadas em relao as temporadas passadas. O novo ciclo ser sustentvel, de acordo com a demanda?, destacou Ferreira.

Dentro da previso geral da Expedio, a produo de soja de 94,5 milhes de toneladas, 32,3 milhes de t de milho de vero e 43,1 milhes de t do cereal safrinha. ?Estamos no campo pesquisando quanto ser essa reduo e reviso os nmeros?, disse o coordenador do projeto.

No Paran, os primeiros nmeros da safra 2014/15 apontam 17,5 milhes de toneladas de oleaginosa, 5 milhes de t do cereal de vero e 9,9 milhes de t na safrinha.

O anfitrio do evento, Santos Zanin Neto, presidente da Seara, destacou a importncia do trabalho tcnico desenvolvido pelo projeto e do novo terminal para a regio e para o agronegcio do Paran. ?O trabalho da Expedio Safra ajuda a entender o mercado. O setor precisa de informao para traar projetos?, disse.

O terminal da Seara em Marialva est operando h 60 dias, aps um investimento de R$ 70 milhes. A construo tem capacidade operacional de 4,5 milhes/ano. Os gros carregados no local sero destinados aos portos de Paranagu, no Paran, e So Francisco do Sul, em Santa Catarina.

Novas rotas

At o momento, as equipes da Expedio Safra percorreram os trs estados da regio Sul e So Paulo, o Paraguai e os Estados Unidos.

Nas prximas semanas, tcnicos e jornalistas do projeto percorrem as regies produtoras do Centro-Oeste brasileiro, com visitas aos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Gois. A primeira etapa da sondagem termina na regio conhecida como Matopiba, formada pelos estados de Maranho, Tocantins, Piau e Bahia, considerada a nova fronteira agrcola do Brasil. Na fase colheita, as equipes percorrem novamente os estados para conferir se as expectativas aferidas no plantio foram confirmadas. Os indicadores ao trmino de cada fase da Expedio.

Maiores informaes: (44) 3232-8354.

 Galeria de Fotos

 Veja Também