Unidade de Marialva referncia para a regio

Usurios do Caps de Marialva visitaram pesqueiro

Segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Última Modificação: // | Visualizada 249 vezes


Ouvir matéria

Na tarde da ltima sexta-feira, 27 de maro, os usurios, colaboradores e servidores do Caps ? Centro de Ateno Psicossocial de Marialva viveram momentos de lazer e diverso no pesqueiro Recanto do Pescador (prximo ao posto da Polcia Rodoviria Federal).

Alm da gostosa pescaria, os participantes se divertiram com jogos, brincadeiras e saborearam deliciosas pores. Na ocasio, a coordenadora do Caps, Nadia Ferro, deixou sua mensagem aos presentes. ?Mais uma Pscoa se aproxima. Organizamos esse passeio com o objetivo de promover uma reflexo acerca da importncia dessa data e fazer com que nossos pacientes tenham momentos de alegria e bom convvio pessoal, renovando os laos de afeto e amizade.?, disse.

funo do Caps:

- prestar atendimento clnico em regime de ateno diria, evitando as internaes em hospitais psiquitricos;
- acolher e atender as pessoas com transtornos mentais graves e persistentes, procurando preservar e fortalecer os laos sociais do usurio em seu territrio;
- promover a insero social das pessoas com transtornos mentais por meio de aes intersetoriais;
- regular a porta de entrada da rede de assistncia em sade mental na sua rea de atuao;
- dar suporte a ateno sade mental na rede bsica;
- organizar a rede de ateno s pessoas com transtornos mentais nos municpios;
- articular estrategicamente a rede e a poltica de sade mental num determinado territrio;
- promover a reinsero social do indivduo atravs do acesso ao trabalho, lazer, exerccio dos direitos civis e fortalecimento dos laos familiares e comunitrios.

Estes servios devem ser substitutivos e no complementares ao hospital psiquitrico. De fato, o Caps o ncleo de uma nova clnica, produtora de autonomia, que convida o usurio responsabilizao e ao protagonismo em toda a trajetria do seu tratamento.

Os projetos desses servios, muitas vezes, ultrapassam a prpria estrutura fsica, em busca da rede de suporte social, potencializadora de suas aes, preocupando-se com o sujeito e a singularidade, sua histria, sua cultura e sua vida cotidiana.

Maiores informaes: (44) 3232 2291.

 Galeria de Fotos

 Veja Também